FRASES DO DIA

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

IMAGEM NÃO É FRESCURA, É CHAVE PARA O SUCESSO


No meu dia a dia como palestrante de Imagem Pessoal (e Postura e Comportamento Profissional) uma das perguntas que mais ouço é esta: “Silvana, qual é a diferença entre
Imagem e moda?”.
Acho essa pergunta extremamente natural e pertinente, pois é respondendo ela que começo a convencer as pessoas que assistem minhas palestras e participam dos meus treinamentos a valorizarem cada vez mais não a moda, mas sim a Imagem que constroem dia após dia.
E é sobre isso que quero falar neste artigo. Acompanhe.
Diferenças entre imagem e moda
A moda tem crescido muito nos últimos tempos. Diariamente, homens e mulheres são bombardeados com informações sobre o que usar, o que não usar, como usar. Porém, isso tudo é muito perecível. Ao invés de falar em moda, é preciso falar em Imagem, que é o que perdura. É preciso despertar a consciência de que a roupa, a maquiagem (no caso das mulheres), o sapato que escolhem transmitem uma mensagem.
O problema em pensar em moda, e não em Imagem, é que essa visão míope faz com que muitas vezes os profissionais errem na mão na hora da escolha do traje, levando em consideração “o que está na moda”, e não o que é adequado ao seu próprio estilo, ao momento, ao ambiente e assim por diante.
Como trabalhar sua Imagem no ambiente de trabalho
Com isso em mente, desenvolvi um plano de ação que pode ajudá-lo a iniciar uma virada no que diz respeito à imagem que deseja estabelecer:
1) Entenda a realidade do seu mercado - analise colegas de trabalho, líderes e clientes. A percepção do que é mais comum ajuda a formar a imagem ideal para si. A partir disso, busque criar a sua própria identidade, a sua imagem;
2) Saiba que nem sempre o que funciona para uma pessoa, funciona para todas - analise o seu corpo e busque fontes confiáveis para entender o que funciona para você;
3) Não deixe que a moda use você. Use você a moda! - nem tudo o que está na moda se encaixa no seu perfil nem no perfil da sua profissão. Desenvolva seu senso crítico e preocupe-se com a sua Imagem, não com a moda;
4) Planeje a sua Imagem! - com base nas mensagens que deseja transmitir (que devem ser coerentes com seus objetivos profissionais), defina o padrão de imagem que deseja buscar e trace metas para chegar até esse padrão. O resultado você verá na prática!
Com isso em mente fica muito mais fácil seguir as dicas que apresentarei por aqui em meus próximos artigos. Tenho certeza que com elas sua Imagem estará cada vez mais adequada aos seus objetivos profissionais.
Sucesso!

Silvana Lages