FRASES DO DIA

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

A SECRETÁRIA EXECUTIVA COMO GESTORA DE PESSOAS


As novas e enxutas estruturas organizacionais, diante das atuais exigências do mercado, abriram espaço para que o profissional do secretariado, antes assessor, assumisse um papel estratégico dentro das organizações, o de gestor.

As secretárias perceberam a necessidade de desenvolver um perfil inovador e criativo, utilizando-se não apenas de suas qualificações  e competências, como de suas habilidades gerenciais.
Secretariar deixa de ser apenas o cumprimento da rotina de agenda, correspondências e compromissos do executivo para ser um assessoramento estratégico, com mais autonomia, baseado na gestão de informações, pessoas e processos.

Com esse novo perfil, as secretárias administram o fluxo de informações que o executivo necessita para gerir o seu negócio. São elas que possuem a visão sistêmica para priorizar as tarefas e conduzir as demandas. E mesmo não exercendo cargo diretivo em uma organização, a secretária executiva atua como gestora e líder dos colaboradores que se reportam a ela.

Baseado nessa mudança do perfil secretarial, o mercado também abriu espaço para que as secretárias assumissem cargos de gerência e coordenação. Facilmente encontra-se o profissional do secretariado executivo como gerente de recursos humanos, gerente financeiro, coordenador de marketing, de projetos e outros cargos que não estão diretamente ligados à assessoria executiva.

Prova-se com isso, a visão equivocada que muitos empresários possuíam de que a profissão se extinguiria em função do progresso tecnológico. Além das secretárias evoluírem na mesma proporção, as organizações descobriram o valor do capital intelectual e do quão importante é o papel dessa profissional.

A secretária é o agente facilitador, consultor e empreendedor. Sua atuação compreende a empresa, seus públicos e seus objetivos. O trabalho da Secretária Executiva como gestora de informações, pessoas e processos é para facilitar a busca dos resultados, por meio de um assessoramento estratégico e inovador, maximizando o tempo do executivo, que deve permanecer voltado para a gestão do negócio.


Marcia Araujo
Secretária Executiva – SE N 1933