FRASES DO DIA

segunda-feira, 22 de julho de 2013

CINCO PRÁTICAS PARA MOTIVAR UMA EQUIPE POUCO PRODUTIVA


 

1 - Observe cada colaborador, individualmente:

Olhe para cada membro de sua equipe de forma única. Analise seus potenciais e vulnerabilidades. Se precisar, anote em uma planilha, para pensar e analisar como você pode realocar cada membro de sua equipe para uma função na qual ele produza mais e melhor, de acordo com as suas habilidades.

2 - Converse com a sua equipe

Explique cada situação em detalhes, de preferência utilizando gráficos, índices de produtividade e histórias de exemplo. Peça a seus colaboradores sugestões para melhorar esse quadro. Assim, todos se tornam mais participativos e contribuem para que a equipe se torne mais produtiva e eficiente.

3 - Ofereça um bom plano de carreira

Esse é um item importante para que o líder consiga motivar a sua equipe de forma efetiva. Assim, os profissionais trabalham com mais foco e direcionamento. Uma organização onde não há esse tipo de incentivo faz com que a rotatividade da empresa seja maior, porque nenhum profissional gosta de chegar ao “fim” da linha, sem ter nenhum outro degrau para subir. Isso não é bom para ninguém na sua organização.

4 - Lute bravamente para reter os seus melhores talentos

Com o mercado de trabalho cada vez mais competitivo, os bons profissionais são disputados e uma boa empresa precisa saber como reter esses talentos, nem que seja com unhas e dentes. Para isso, o ideal é reconhecer o potencial destes profissionais e delegar tarefas que sejam mais adequadas ao perfil de cada um. Assim, eles se sentem mais satisfeitos e motivados para o trabalho, além de agradecer pelo fato de você valorizá-los acima da sua concorrência.

5 -  Promova encontros sociais aos finais de semana ou depois do trabalho

Este tipo de atividade é excelente para fazer com que seus colaboradores interajam mais uns com os outros, fora do ambiente de trabalho. Pode até parecer bobo e sem sentido, mas esse tipo de atitude faz com que os membros da equipe se conheçam mais e, com isso, possam trabalhar mais integrados dentro da empresa, com maior senso de companheirismo.

Essas atitudes podem ser trabalhosas para o líder, dependendo do baixo nível de produtividade da equipe que precisa ser motivada. Apesar disso, o que ele deve ter em mente é que:

Todos esses passos formam um processo de desenvolvimento contínuo.

Com a evolução, todos vão sair ganhando. A empresa produz mais e melhor, os profissionais se sentem mais satisfeitos e o líder passa a ser reconhecido e respeitado pela sua capacidade de gerenciar pessoas e lidar com conflitos.

Uma outra característica não mencionada e essencial de qualquer líder que queira motivar sua equipe é saber controlar suas emoções em momentos complicados.


Acesso em 19/07/2013. http://comomotivarumaequipe.com.br/